Saturday, September 17, 2005

Onde estao os Pretos?

Os unicos que tem tentado lutar contra a pobreza em Africa sao... os brancos. Os estados do Sul dos EUA, habitados maioritariamente por negros, foram recentemente flagelados pelo tufao Katrina, e quem foi em seu socorro? Os brancos, pois evidentemente. As comunidades de milionarios negros americanos olharam para o outro lado e assobiaram, nao mexendo uma palha para ajudar os seus "irmaos".

Dr. Focas

"A América (e o resto do mundo) entrou em estado de choque com os pobres desalojados do Katrina. Negros, a maioria. Os jornais, as rádios, as televisões, os colunistas, os «pundits» apontam o dedo a uma pobreza americana, de raça negra, sulista, vítima da desigualdade, dos cortes orçamentais aos programas de combate à pobreza, dos cortes na Saúde e na Educação, dos cortes do welfare. Vítima do racismo e do esquecimento, da feroz desigualdade dos estados do sul, de maioria negra, em que os brancos controlam o poder económico e social. Está tudo certo, é tudo verdadeiro.Mas, toda a gente sabe que existe uma classe média negra na América, com poderosas organizações de direitos civis. E que existe, tanto em Hollywood e Los Angeles, como em Chicago, como em Nova Iorque, um clube de milionários negros, poderosíssimos, que controlam o mercado da música rap que domina o mundo, controlam o merchandising da música rap, e controlam o mercado de raça negra consumidor desse merchandising (e não só, todos os miúdos brancos, de todo o mundo ocidental e abastado, copiaram a street fashion e os tiques dos rappers americanos. Yo!).Mas, alguém viu da parte desta gente, que se caracteriza pelo consumo conspícuo de moda de alta costura e logos, de diamantes, de roupas caríssimas, de iates e carros, de jactos privados, e de um estilo de vida ostentosos à boa maneira dos líderes africanos corruptos, alguém viu, dizia eu, um grande movimento de solidariedade e ajuda financeira aos seus irmãos negros do sul? Alguém viu P. Diddy, Lil Kim, Russell Simmons, Quincy Jones, Mary J. Blige, e os milhares de rappers milionários de Chicago e Nova Iorque e da Califórnia, fazer o que fizeram alguns actores e celebridades de Hollywood e ajudar, ou abraçar, um desgraçado que perdeu a família e os bens no Katrina? Alguém viu o reverendo Jesse Jackson, ou Eddie Murphy, ou inefável reverendo Al Sharpton, ou mesmo os boxeurs negros e bem de vida como Mike Tyson (e de Michael Jackson e da sua família nem é bom falar) levantarem a voz e a mão num gesto altruísta? Só Oprah Winfrey o fez, e tem feito, e continua a fazer. Ela é a negra mais bem sucedida da América e a que tem maior consciência social. O resto, não existe, ou existe egocentricamente. Corruptamente.Quando se culpa apenas a Administração Bush de tudo, e os brancos de tudo, de todo o racismo, deixa-se de lado o racismo de negros contra negros, o fosso entre ricos e pobres da mesma cor. Existe, e são poucos os que o saltam. Na América, como em África, quem menos ajuda os negros são os negros. "
Clara Ferreira Alves
“Mais vale ser rico e ter saúde, do que pobre e ser doente” – Quitéria Barbuda in “A Esquerda Invejosa”, Revista “Espírito”, nº 19, 2005.
Este artigo teve a aprovação do Exmo. Comandante Guélas
Viva o Comandante Guélas

3 comments:

Anonymous said...

Hi, I running a test using Blog Submitter Pro to see how effective a marketing tool it is. I am aware that this may be regarded as spam. I don't want to offend or annoy anyone, and will stop using it if I get negative feedback. As a web designer and web promotion marketeer, I am genuinely interested in your thoughts on this. Let me know your thoughts at Lycosa web design. Thanks.

Pinto Ribeiro said...

porra ke vos enkontrei...desde ke saí do porcolatino nã sabia de vocês...e ke saudades da SENHORA D. QUITÉRIA BARBUDA, olé. abraços.

Henrique da Rebelva said...

Parabens ao programa de terapia ocupacional promovido pelo Hospital Julio de Matos!!!
Era uma tristeza ver os maluquinhos a pedir cigarros na Av. do Brasil...